How to explore Serra da Estrela

Serra da Estrela is the second highest point of Portugal, with a height of 1993 meters. Pico, in Azores, surpasses it in 358m.

It’s foolish to think that it’s only worth visiting it covered with snow. Although it is a more targeted place for winter tourism, it has a landscape and magnificent places that can only be dazzled when there is no snow.

Quick-scroll index:


Our journey towards to Serra da Estrela began in Gouveia. According to the GPS would be a journey to last just over 30 minutes to Torre, but with the stops we did lasted a lot more.

These were the ‘key’ places we went through:

Lagoa do Covão do Curral

It’s an artificial lagoon that is part of the dams complex of Sabugueiro, built by EDP for the use of water energy.

What a breathtaking place! An incredible beauty.

Lagoa Comprida

This is the largest lagoon of Serra da Estrela. It was an old glacier with about 1 kilometer, at present it is a dam with 28 m of height.
The dam itself is a beautiful mirror of water, but where we really enjoyed the place was in a wide at the road. Yes, you heard right, just enjoying nature in its purest state.

serra da estrela portugal

Do you know how good it is to “hear” the silence? That absolute silence, that who is accustomed to the madness of the city even strange? That’s what we’re talking about.
To this was added a view over the clouds and an incredible sunset. Perfect is the only word that occurs to us.

Watch the video and check how magic was:

Torre

Finally, we went to Torre.
Here we take hundreds of photos. We arrived at the ‘Golden Hour’, and as each photo was better than another we did not stop clicking:

We took advantage of the collection of a herd and took some photos in the middle of the goats and sheep.
We ended the day talking to a Shepherd, who told us some secrets of the mountain and invited us for a next visit, and this will be guided. This gentleman volunteered to show us all the mountain hidden corners. That was the promise of an upcoming visit.

Como explorar a Serra da Estrela

A Serra da Estrela é o segundo ponto mais alto de Portugal, com 1993m de altitude. O Pico, nos Açores, supera-a em 358m.

Engana-se quem pensa que apenas vale a pena visitá-la coberta de neve. Embora seja um local mais direcionado para o turismo de Inverno, tem uma paisagem e locais magníficos que só se podem deslumbrar quando não existe neve.

Índice rápido:


A nossa viagem em direção à Serra iniciou-se em Gouveia. Segundo o GPS seria uma viagem para durar pouco mais de 30 minutos até à Torre, mas com as paragens que fizemos durou bastante mais.

Estes foram os locais ‘chave’ por onde passamos:

Lagoa do Covão do Curral

É uma lagoa artificial que faz parte do complexo de barragens da central do Sabugueiro, construída pela EDP para o aproveitamento da energia das águas.

Que lugar de cortar a respiração! Uma beleza incrível.

Lagoa Comprida

Esta é maior das lagoas serranas. Era um antigo glaciar com cerca de 1 quilómetro, atualmente é uma barragem com 28 m de altura.
A barragem em si é um bonito espelho de água, mas onde realmente apreciamos o local foi num largo ao pé da estrada. Sim, ouviste bem, simplesmente a apreciar a natureza no seu estado mais puro.

serra da estrela portugal

Sabes como é bom “ouvir” o silêncio? Aquele silêncio absoluto, que quem está habituado à loucura da cidade até estranha? É disso que falamos.
A isso juntou-se uma vista sobre as nuvens, e ainda com direito a pôr-do-sol. Perfeito é a única palavra que nos ocorre.

Vê o vídeo e confere como foi mágico:

Torre

Por fim, seguimos até à Torre.
Aqui tiramos centenas de fotos. Chegamos mesmo na ‘Golden Hour’, e como cada foto ficava melhor do que outra não parávamos de clicar:

Aproveitamos o recolher de um rebanho e tiramos algumas fotos no meio das cabrinhas e ovelhas.
Acabamos o dia a falar com um Pastor, que nos contou alguns segredos da Serra e nos convidou para uma próxima visita, e essa será com guia. Este senhor ofereceu-se para nos mostrar todos os recantos da Serra. Assim ficou a promessa de uma próxima visita.